Anúncio

Collapse
No announcement yet.

Importar legalmente para revenda

Collapse
X
 
  • Filter
  • Hora
  • Show
Clear All
new posts

  • Importar legalmente para revenda

    Olá! frequento ha algum tempo o forúm, porém estava conhecendo e lendo todos os tópicos e também buscando na rede algumas outras fontes para estar sanando algumas dúvidas, não sei se eu sou o único preocupado aqui, mas heje me deparei com um assunto em outro site que me chamou bastante atenção, um sujeito alegava que havia feito uma compra de 10 aparelhos chineses para vender no brasil, mas dizia que o mesmo aparelho já foi vendido no mercado livre por uma outra pessoa mais de 1700 unidades e que o valor que ele conseguiria para revenda legalizada seria de R$ 50,00 a mais do que o outro vendedor, ficando díficil competir. Foi então que comecei a me perguntar quais seriam as formas de baratear o produto legalizado e se é verdade o fato de além de pagar o imposto de importação de 60% ainda é possível que tenhamos que pagar o valor aproximado de até 18% dependo do estado referente ao Imposto de Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). Olhando por este lado, paga imposto+imposto+imposto.... acaba não compensando fazer estoque para venda a pronta entrega. alguém poderia esclarecer melhor essas formas de legalização de compra em atacado para revenda? e se é viável cadastrar no MEI para criar uma loja de vendas de importados.
    Agradeça a postagem, custa tempo escrever, não custa nada agradecer e motiva quem postou!



  • #2
    Re: Importar legalmente para revenda

    Olha amigão, é até meio óbvio. Com o advento da internet a globalização avançou muito rápido e hoje com um cartão da farmácia da esquina vc compra um equipamento de última geração lá na china e recebe em casa!

    POde parecer besteira isso que eu disse, mas serve para ilustrar o fato de que a única maneira de conseguir um preço bom pra revender no Brazil, o país do imposto, com esse tipo de concorrência, é a sonegação e isso é fato.

    Enquanto não houver uma política séria de repreensão a quem pratica esse tipo de crime, a concorrência vai ser muito desleal para quem quizer ficar dentro da lei. O ideal seria uma reforma tributária para uma tributação mais justa e acessível, e uma fiscalização adequada onde todos pudessem pagar seus impostos tranquilamente e saber que quem não paga vai realmente preso. O Mercado Livre é a porta do inferno para os comerciantes sérios. Lá tem muita gente que é grande cara, pode ter certeza, e como lá a fiscalização não chega, a sonegação corre solta.

    Mes passado eu queria uma camera e vi uma lá por aproximadamnte R$1.200,00 e uma da mesma marca no Submarino, mas inferior a essa custa R$2.000,00. Detalhe é que o cara já tinha vendido mais de 700 cameras, só desse modelo! Será que ele sonega?

    Triste realidade, não sei onde vamos parar daqui alguns dias...

    Comentário


    • #3
      Re: Importar legalmente para revenda

      O q eu acho q existe ai é um dropsping muito bem feito com a pessoa aqui no brasil e uma empresa poderosa na china...
      Acho assim chines nao é burro....
      Se a pessoa começa a vender muito e muito ele pode baratear o produto e oferecer tb uma logistica de envio diferenciada a este comprador...
      Isso que eu acho que pode acontecer....
      Deem suas opinioes.....
      ***É a UNIÃO que faz a nossa FORÇA.***
      CastK ImportaBR

      Comentário


      • #4
        Re: Importar legalmente para revenda

        Postado originalmente por CastK
        O q eu acho q existe ai é um dropsping muito bem feito com a pessoa aqui no brasil e uma empresa poderosa na china...
        Acho assim chines nao é burro....
        Se a pessoa começa a vender muito e muito ele pode baratear o produto e oferecer tb uma logistica de envio diferenciada a este comprador...
        Isso que eu acho que pode acontecer....
        Deem suas opinioes.....
        Tenho conhecidos que trabalham na Secretaria da Receita aqui de SP. E uma coisa posso afirmar, essa vida boa vai acabar.

        Ja faz um tempo que a Receita esta de olho nas importações "formiguinha", que ao invés de você lotar um container com 1000 produtos, efetua 1000 compras no Dealextreme com Free Shiping. Se vc pulveriza sua compra, se algo for pego na tributação seu preju sera infinitamente menor.

        Não me lembro se foi no começo deste ano, ou no final do ano passado que fizeram uma baita auditoria nas importações via Air Mail, Air Parcel, ou seja, tudo que vem por avião e a casa de muita gente caiu.

        Uma das medidas que esta para ser adotada é a implantação do sistema nacional de rastreio internacional. Ja ouvi muito sobre o assunto e creio que não vai demorar a ser implantado ....

        Comentário


        • #5
          Re: Importar legalmente para revenda

          Entao como tudo tem o seu jeitinho brasileiro e as coisas aqui no Brasil demorar pra entrar em vigor...
          Entao vamos viver o momento; hhehehehe
          Hoje o mar ta pra peixe ou hoje chove na minha horta.
          Amanha so Deus sabe.
          Viva o momento; aproveite...
          Deixa a vida me leva....
          ***É a UNIÃO que faz a nossa FORÇA.***
          CastK ImportaBR

          Comentário


          • #6
            Re: Importar legalmente para revenda

            Postado originalmente por CastK
            Entao como tudo tem o seu jeitinho brasileiro e as coisas aqui no Brasil demorar pra entrar em vigor...
            Entao vamos viver o momento; hhehehehe
            Hoje o mar ta pra peixe ou hoje chove na minha horta.
            Amanha so Deus sabe.
            Viva o momento; aproveite...
            Deixa a vida me leva....
            up

            Comentário


            • #7
              Re: Importar legalmente para revenda

              Postado originalmente por modlima
              Postado originalmente por CastK
              Entao como tudo tem o seu jeitinho brasileiro e as coisas aqui no Brasil demorar pra entrar em vigor...
              Entao vamos viver o momento; hhehehehe
              Hoje o mar ta pra peixe ou hoje chove na minha horta.
              Amanha so Deus sabe.
              Viva o momento; aproveite...
              Deixa a vida me leva....
              up
              Mas tem q ser assim mesmo.

              Infelizmente, tudo neste país é envolto em impostos, taxas e afins. Se temos a opção de compra sem alimentar mais a corja de corruptos, temos mais é que fazer ....

              Os puristas podem afirmar que estamos enfraquecendo o comercio interno, comprando de fora, mas se eu fizer um levantamento nas minhas compras, 90% são de itens não produzidos no país, ou seja, só estou evitando os impostos que EU vou pagar ...

              Voltando ao assunto, estou me informando sobre como importar via Importa Fácil dos Correios. Nesta modalidade é possível importar até 5K por envio marítimo e os correios fazem todo o desembaraço aduaneiro, o que barateia demais o frete e taxas, o único inconveniente é que para valer a pena tem que se importar muuita coisa além de que todos os itens devem estar declarados pois é 100% de ctz que vai ser tributado.

              Comentário


              • #8
                Re: Importar legalmente para revenda

                Acredito na importação legal somente se tiver dinheiro para comprar em atacado, do contrário ilegalmente é melhor^^.
                Ex: Pretendo vender roupa até juntar uns R$10,000, depois pretendo obter CNPJ, para importar em atacado e pagando os impostos, despachantes, etc. Terei de comprar 150 camisas para que saiam no mesmo valor de 1camisa cada.

                Comentário


                • #9
                  Re: Importar legalmente para revenda

                  Caro amigo se tiver mais informaçoes sobre o importa facil do correios; posta ai pra nos...
                  Agradeço; t+
                  ***É a UNIÃO que faz a nossa FORÇA.***
                  CastK ImportaBR

                  Comentário


                  • #10
                    Re: Importar legalmente para revenda

                    seguinte para quem esta começando agora nao é uma boa ter cnpj.
                    pelo simples fato de nao saber oque vai acontecer se vai dar certo ou errado se o vendedor é de confiança ou nao.

                    agora temos o IMEI OU MEI micro empreendedor individual na qual uma pessoa pode ter cnpj pagando apenas 60 reais por mes. e pode contratar empregados e tal.

                    mais para quem esta começando nao é uma boa começar ja gastando dinheiro.

                    outra coisa que o amigo la em cima falou do vendedor do mercado livre que vende bem mais barato.

                    oque acontece é que muita gente foca em comprar de sites DROPSHIPPING mais nao foca em comprar dos vendedores que fornecem a esses site.

                    eu tenho muitos fornecedores e compro produtos bem baratinhos na verdade absurdamente baratos exemplo

                    tablet po 43 reais mais um frete e nao é um tablet qual quer é um tablet bom. que custa nas lojas de 400 a 500 reais no minimo.
                    só que tem um problema muitos desses fornecedores sao inlegais entao eles nao gostam de vender para qual quer um.
                    eu consegui os meus por parte de meu irmao.
                    entao costuma ter isso voce tem que ter alguem no meio para te passar os fornecedores .

                    e outra coisa vomos dizer que voce queira comprar de um site qual quer, da para voce tirar um lucro legal tambem .

                    exemplo: o cara vai no site e ve o valor do produto vomos dizer que ele custa 50 reais a unidade
                    mais se voce comprar 200 voce paga por cada um 30 reais .

                    ai voce vai no mercado livre e cadastra ele por 35 reais
                    o mercado livre recebe muita gente por dia e se seu produto for um produto muito procurado
                    voce vai vender no mesmo dia uns 100 produtos
                    e no outro mais 100 ai voce comprar o produto absurdamente barato.
                    compra no caso por 30 reais cada um.
                    e assim vende o produto bem barato.
                    e ganha 5 reais em cima de cada produto vendido

                    e pode perceber que os vendedores do mercado livre pedem um prazo pra entregar o produto de no minimo 20 dias .

                    isso serve para ele arrecadar dinheiro e vendas para comprar o produto mais barato.

                    bom espero que tenham entendido oque escrevi .
                    abraço
                    Last edited by ClaudioRj; 18/06/2015, 17:58.

                    Comentário


                    • #11
                      Re: Importar legalmente para revenda

                      Eu queria que a galera se pronunciasse aqui sobre como estão declarando o imposto de renda no fim do ano e se estão tendo algum problema.

                      Comecei minhas importações fazendo dropshipping no meio desse ano (2011) e graças a Deus minhas vendas tem aumentado bastante - principalmente depois que comecei a vender no Mercado Livre.

                      O fato é que a partir do ano que vem, se as coisas continuarem nesse embalo, terei que declarar imposto de renda devido a quantia total que vou receber em minha conta bancária durante o ano de 2012. Aí é que vem minha dúvida.. se eu faço dropshipping e ainda não possuo CNPJ nem faço importações legais para revenda, como eu devo justificar a minha fonte de renda? O que devo fazer, alguém tem alguma dica?

                      Tem alguém lembrando disso aí?!
                      Estou com dúvidas pois é a primeira vez que me vejo nessa situação.. Alguém me disse algo sobre o mercado informal.. como os camelódromos por exemplo. Eles recebem muita grana, não é possível que não movimentam em uma conta corrente! E aí, eles declaram imposto de renda? Como?

                      Se alguém puder ajudar galera.. é um assunto interessante!

                      Comentário


                      • #12
                        Re: Importar legalmente para revenda

                        coloque o dinheiro na conta da sua mãe, irmão, pai, enfim...
                        Alguém que já declara e que alguns mil reais de diferença não vá mudar nada.
                        O ideal seria registrar uma empresa depois disso e abrir uma conta juridica.
                        Projeto pessoal, Comprei de Fora .

                        Comentário


                        • #13
                          Re: Importar legalmente para revenda

                          Boa tarde a todos, essa é minha primeira postagem no forum. Preciso muito da ajuda de voces. Sou vendedor no mercado livre a 4 anos, e hoje recebi um "ultimato" do mercado livre me obrigando a me tornar pessoa juridica caso queira continuar a vender no site. Sempre vendi celulares importado da china cujo compro pelo meu cartao de credito e mais outros 2 cartoes de amigos meus, em media são 9 aparelhos por mes que da um total de compra de $1080 dollar, atualmente sou pessoa fisica. Fui até um contador da minha cidade para tirar duvidas referente ao MEI e micro empresa. Ele informou que o mei agora pode ter uma media de R$5.000,00 p/mes, gostei da noticia , porem vem as duvidas. Meus gastos com compra e venda não vao ultrapassar o limite do MEI porem eu posso utilizar o MEI(micro empreendedor individual) normalmente para continuar a fazer esse comercio mesmo que provavelmente o fornecedor da china não forneça nota fiscal da venda? Caso ele forneça apenas uma nota simples discriminando a minha compra e contendo todas as informações do fornecedor nessa nota, ela vai servir para eu apresentar na receita federal caso ela venha a solicitar algum esclarecimento? Obrigatoriamente tenho que contratar uma empresa(Ex: importa facil dos correios) ou posso continuar a fazer da forma que faço hoje, comprando pelo paypal e mandando receber direto em minha residencia? Como fica a historia de comprar da china e nao ser taxado ao entrar no Brasil devido a declarar um valor menor na embalagem e não na nota? Apos me tornar CNPJ eu terei que obrigatoriamente pedir para o fornecedor declarar na embalagem externa o exato valor da minha compra sem "esconder" os valores reais?...Sei que são muitas perguntas mas eu dependo e muito da renda que tenho nessas vendas e se não conseguir me adequar terei um grande prejuízo e estou muito preocupado com isso.

                          Comentário


                          • #14
                            Re: Importar legalmente para revenda

                            Agora fica realmente bem mais complicado, vou tentar explicar.
                            EI (empreendedor individual, que você pode fazer o registro gratuitamente pelo site do governo) NÃO É OBRIGADO a emitir nota fiscal para pessoa física, apenas para pessoa jurídica, então você já se livra dessa.

                            Importar "legalmente" você só pode fazer tento RADAR ou via importa fácil dos correios (mas tem aquela taxa de R$150,00 para desembaraço e você provavelmente vai ter um gasto a mais com LI).

                            Para empresa pequena não compensa ter radar, sendo que o que vão te cobrar para fazer um desembaraço (liberar a importação no porto) é algo próximo ou mais que um salário minimo - sendo inviável para pequenos importadores.

                            Se quiser optar pelos correios pode ser mais simples, certamente vai ter que pagar o imposto de 60%+IMCS (SP 18%) + R$150,00 de desembaraço, o que, dependendo dos preços que você e sua concorrência praticavam pode tornar o negocio não mais lucrativo.

                            Sem contar que pelo que eu já li para importar você não pode pagar via paypal, pois não é aceito pelo Banco do Brasil - esta parte não lembro porque, mas fiz esta pergunta no fórum do siscomex e mes responderam que o dinheiro tem que ser negociado diretamente com o exportador.

                            O que você pode fazer, que muitos fazem, é apenas abrir a empresa como EI, mas continuar as suas compras como pessoa física, ou pode estudar um pouco e tentar fazer "legalmente".

                            Qualquer dúvida eu te ajudo, se eu puder.
                            Projeto pessoal, Comprei de Fora .

                            Comentário


                            • #15
                              Re: Importar legalmente para revenda

                              Postado originalmente por JulianaBuch
                              Agora fica realmente bem mais complicado, vou tentar explicar.
                              EI (empreendedor individual, que você pode fazer o registro gratuitamente pelo site do governo) NÃO É OBRIGADO a emitir nota fiscal para pessoa física, apenas para pessoa jurídica, então você já se livra dessa.

                              Importar "legalmente" você só pode fazer tento RADAR ou via importa fácil dos correios (mas tem aquela taxa de R$150,00 para desembaraço e você provavelmente vai ter um gasto a mais com LI).

                              Para empresa pequena não compensa ter radar, sendo que o que vão te cobrar para fazer um desembaraço (liberar a importação no porto) é algo próximo ou mais que um salário minimo - sendo inviável para pequenos importadores.

                              Se quiser optar pelos correios pode ser mais simples, certamente vai ter que pagar o imposto de 60%+IMCS (SP 18%) + R$150,00 de desembaraço, o que, dependendo dos preços que você e sua concorrência praticavam pode tornar o negocio não mais lucrativo.

                              Sem contar que pelo que eu já li para importar você não pode pagar via paypal, pois não é aceito pelo Banco do Brasil - esta parte não lembro porque, mas fiz esta pergunta no fórum do siscomex e mes responderam que o dinheiro tem que ser negociado diretamente com o exportador.

                              O que você pode fazer, que muitos fazem, é apenas abrir a empresa como EI, mas continuar as suas compras como pessoa física, ou pode estudar um pouco e tentar fazer "legalmente".

                              Qualquer dúvida eu te ajudo, se eu puder.
                              Muito obrigado pela ajuda pois sinceramente é um problema que esta me tirando o sono e muito preocupado. Voce informou a respeito do pagamento nao poder ser pelo paypal, nesse caso o pagamento agora teria que ser em dinheiro(só dinheiro ou cartao de credito e debito??) no banco do brasil e o banco do brasil repassa ao fornecedor la na china?
                              Caso eu venha a fazer o MEI e comprar pelo paypal com os meus cartoes como pessoa fisica exatamente como faço hoje(recebo as encomendas de uma a uma para evitar taxas), utilizando um valor total de compra mensal R$1.500,00 e de venda mensal no mercado livre R$3.000,00(totalizando R$4500,00 de movimentação estando assim dentro do limite de R$5.000,00 mensal exigido pelo MEI) se por ventura a receita fd me convocar para esclarecer essa movimentação e obviamente as mercadorias terem dado entrada no brasil sem pagarem taxas e possivelmente sem nota fiscal pois acho que na china eles nao emitem a nota. Como ficaria? O que voce sugere?
                              Obs: eu fazendo tudo direitinho com o importa facil dos correios ficaria assim:
                              mercadoria = R$1.500,00
                              60% = R$900,00
                              icms16% rio = R$240,00
                              importa facil = R$150,00
                              TOTAL = R$2.790,00
                              Ficaria assim porem totalmente legalizado para eu vender mesmo se o fornecedor nao emitir nota fiscal mas apenas uma nota simples?

                              Comentário

                              Working...
                              X