Anúncio

Collapse
No announcement yet.

Receita vai apertar cerco às importações via web

Collapse
X
 
  • Filter
  • Hora
  • Show
Clear All
new posts

  • Receita vai apertar cerco às importações via web

    BRASÍLIA - Em janeiro e fevereiro deste ano, as compras de mercadorias feitas por brasileiros no exterior via internet e entregues pela via postal deram um salto da ordem de 40% sobre o ano passado, e alertaram a máquina de arrecadação do Fisco, que já prepara ações para atacar esse "nicho". O País tem recebido perto de 1,7 milhão de pacotes a cada mês, quando no início de 2013 o volume era da ordem de 1,2 milhão. No ano passado, foram 18,8 milhões no total, segundo dados da Receita Federal.

    A maior parte dessa farra de consumo tem chegado ao comprador sem a cobrança de tributos, mas isso está prestes a mudar. Um sistema que está sendo montado em parceria com os Correios e a Receita vai automatizar a fiscalização, que hoje é feita por amostragem.

    E, ao contrário do que muita gente pensa, o que se adquire de estabelecimentos comerciais no exterior é sujeito a tributação, independentemente do valor. Há exceções, como livros, periódicos, medicamentos com receita médica e bens enviados por pessoa física de valor até US$ 50,00.

    O sistema deverá entrar em teste em setembro deste ano, segundo informou a chefe da Divisão de Controles Aduaneiros Especiais da Receita, Edna Beltrão Moratto. A previsão é que seja implantado em janeiro de 2015.

    Segundo Edna, os impostos federais incidentes sobre as compras no exterior pela via postal são de 60%. Mas ainda tem o Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), que é estadual. Os Correios poderão ser incumbidos de recolher essa parte.

    Rapidez. A expectativa do governo é que, por outro lado, a liberação das mercadorias se torne mais rápida. Hoje, quando um produto chega e cai na amostragem, é calculado o valor do imposto e o comprador recebe um comunicado dos Correios em casa. Ele deve recolher o tributo e retirar a mercadoria na agência.

    Com o novo sistema, o governo vai saber o que está sendo comprado antes mesmo de a mercadoria chegar, segundo explicou José Ademar de Souza, do Departamento Internacional dos Correios. "A partir da compra, o site repassa antecipadamente as informações para a Receita", informou.

    Os dados, explicou ele, podem ser fornecidos tanto pelo exportador quanto pelo operador logístico - no caso, o correio do país de onde a mercadoria vem. Existe uma legislação internacional que prevê a troca de informações entre os serviços postais.

    "Temos a possibilidade de, a partir da informação, fazer a parte da tributação", explicou Souza. "E fazer uma interação com o cliente via internet." A ideia é permitir que ele pague os tributos via internet e receba o bem em casa, em vez de ter de buscá-lo nos Correios.

    Edna explicou que o sistema terá filtros para detectar as mercadorias que exigirão mais atenção dos fiscais. Por exemplo, se a compra está subfaturada, ou seja, com um valor declarado baixo, para diminuir o valor do imposto a pagar. Para isso, a Receita se baseia num parâmetro internacional de preços e outras fontes de informação. "Às vezes, a mercadoria está lá com um valor muito menor do que o que a loja anuncia no site", exemplificou Edna.

    Hoje, todas as compras que chegam ao País passam por uma análise da Receita e, às vezes, de outros órgãos do governo, como a Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Todos os pacotes passam por um raio X, onde se verifica se a mercadoria não é de importação proibida - como armas e drogas.

    LINK: Receita vai apertar cerco às importações via web
    Quer receber de volta parte do valor pago em compras no Aliexpress e em vários sites do BR?

    Acesse o LINK a seguir e se cadastre para saber mais:
    Sistema Retorna CashBack

    BitCoins de graça? Clica aqui e se cadastra!

  • #2
    Eita vai começar a sacanagem o povo danado quer lucrar de qualquer jeito.
    SEO - Marketing Digital - Monetização - Backlinks - Blog Marketing Online

    Comentário


    • #3
      Oh! e agora quem poderá nos defender???
      Porque importar é preciso!!!!!

      Comentário


      • #4
        Postado originalmente por ClaudioRj Ver Post
        Eita vai começar a sacanagem o povo danado quer lucrar de qualquer jeito.
        Agora que vou intensificar minhas importações, pra depois de setembro ter um bom estoque pra segurar alguns meses de vendas. Em seguida vou importar vários pacotes em pequenas quantidades e abaixo de $50, pois como o exportador/ou correio terá que informar a Receita o que está sendo exportado e o valor, aí não há como eles abusarem.

        Isso por um lado tem uma vantagem pra quem importa coisa baratas para revenda, pois o cara pode pedir vários pacotes abaixo de $50 e mandar entregar em casa de parentes, de forma que não caracterize comércio.

        Mas como eu já disse aqui no fórum, sou da seguinte opinião: "Pra tudo na vida tem jeito, exceto pra morte!"
        Quer receber de volta parte do valor pago em compras no Aliexpress e em vários sites do BR?

        Acesse o LINK a seguir e se cadastre para saber mais:
        Sistema Retorna CashBack

        BitCoins de graça? Clica aqui e se cadastra!

        Comentário


        • #5
          Engraçado que no Brasil tudo que serve pra tirar dinheiro do povo sai rápido, enquanto tudo que serve pra beneficiar demora anos e anos, tá cada vez mais difícil de viver neste país

          Comentário


          • #6
            e cada vez mais o Brasil valorizando (e enaltecendo) a corrupção...

            se esse projeto do Fisco vingar, o que vai ter de despachantes fazendo serviço paralelo não vai ser brincadeira
            Regras do Fórum

            Comentário


            • #7
              A cada dia mais tenho vergonha do desgoverno deste país, em outros países, o executivo, legislativo e judiciário trabalham para beneficiar o povo, em prol do povo, por aqui não, beneficiam a si mesmo, me refiro a países sérios, de primeiro mundo, por aqui o povo não tem voz e nem vez, por isso o contrabando corre solto. Vejo que em breve para se importar, só pelo Importa Fácil mesmo, ou através de empresas de importação mesmo.

              Comentário


              • #8
                Eu havia dito no post ali em cima que:

                "Isso por um lado tem uma vantagem pra quem importa coisa baratas para revenda, pois o cara pode pedir vários pacotes abaixo de $50 e mandar entregar em casa de parentes, de forma que não caracterize comércio."

                Só que retiro o que falei, pois provavelmente vão registrar o nome de todos importadores, endereço e qualquer informação relevante pra eles. A partir disso, eles vão fazer um controle do que é importado cada vez que você faz uma compra lá fora, e a partir disso podem determinar se você pratica ou não descaminho de acordo com a quantidade de vezes que você importou determinado produto, e com isso podem te chamar lá pra se justificar, e chamar até mesmo as pessoas que você usa para receber seus pacotes.

                Ao meu ver se isso realmente vingar, vai ficar bem complicado.
                Quer receber de volta parte do valor pago em compras no Aliexpress e em vários sites do BR?

                Acesse o LINK a seguir e se cadastre para saber mais:
                Sistema Retorna CashBack

                BitCoins de graça? Clica aqui e se cadastra!

                Comentário


                • #9
                  Eis que aí, a gente encontra uma solução tb! Usar redirecionadores, como já estão começando a aparecerem aqui no fórum EX: CN-PY-BR, etc. Porém, neste caso eles poderão faturar muito mais do que atualmente e é aí que deveremos tb exigir valores razoáveis, uma vez que os mesmos deverão aumentar seu lucro em grandes porcentagens e movimentações de mercadorias!

                  Comentário


                  • #10
                    Por outro lado, agora falar em abaixar o imposto o governo não fala, se vão arrecadar mais deveriam abaixar a tributação, visto que em tese não existira mais descaminho.

                    Comentário


                    • #11
                      Postado originalmente por specialforest Ver Post
                      Eis que aí, a gente encontra uma solução tb! Usar redirecionadores, como já estão começando a aparecerem aqui no fórum EX: CN-PY-BR, etc. Porém, neste caso eles poderão faturar muito mais do que atualmente e é aí que deveremos tb exigir valores razoáveis, uma vez que os mesmos deverão aumentar seu lucro em grandes porcentagens e movimentações de mercadorias!
                      Aí é que está o meu medo... A Receita de cima dos redirecionadores, isso seria péssimo. Eu não preocupei tanto por causa dos redirecionadores, mas sem o serviço deles também aí a coisa fica mais feia do que já está.
                      Quer receber de volta parte do valor pago em compras no Aliexpress e em vários sites do BR?

                      Acesse o LINK a seguir e se cadastre para saber mais:
                      Sistema Retorna CashBack

                      BitCoins de graça? Clica aqui e se cadastra!

                      Comentário


                      • #12
                        desgosto total, chega a ser ridículo nem vou comentar mais.

                        Comentário


                        • #13
                          Postado originalmente por wbrito Ver Post
                          A cada dia mais tenho vergonha do desgoverno deste país, em outros países, o executivo, legislativo e judiciário trabalham para beneficiar o povo, em prol do povo, por aqui não, beneficiam a si mesmo, me refiro a países sérios, de primeiro mundo, por aqui o povo não tem voz e nem vez, por isso o contrabando corre solto. Vejo que em breve para se importar, só pelo Importa Fácil mesmo, ou através de empresas de importação mesmo.
                          realmente se for parar pra pensar.... logo no inicio do texto diz: "...alertaram a máquina de arrecadação do Fisco, que já prepara ações para atacar esse "nicho". "

                          chega a impressionar isso, o governo aqui age como uma empresa, ve onde pode conseguir mais lucro, pensa em diminuir os "gargalos" e extrair mais frutos disso, trata a população como clientes e se há prejuizos (SEMPRE), ela aumenta a carga dos clientes obviamente

                          nojo
                          Regras do Fórum

                          Comentário


                          • #14
                            Postado originalmente por bacanaimports Ver Post
                            Aí é que está o meu medo... A Receita de cima dos redirecionadores, isso seria péssimo. Eu não preocupei tanto por causa dos redirecionadores, mas sem o serviço deles também aí a coisa fica mais feia do que já está.
                            Infelizmente temos que encarar uma realidade. Quem garante que há muito tempo não há no fórum como em qualquer outro espaço deste tipo em sites, fóruns e tudo o mais na internet, alguém infiltrado apenas lendo e pegando tudo e de todos aqui!? Realmente, eles poderão aumentar o cerco e muito nos redirecionadores ocasionando com isto vários problemas futuros para muitas pessoas!
                            Vai chegar um ponto onde tudo deverá ser sigilosamente feito, porém, entra um outro detalhe que será no sentido que se tudo for feito na "moita" sem muitos saberem, como então este "redirecionador" poderá ter lucro??
                            É [email protected]#%, mas isto poderá ser em um futuro próximo, uma realidade!

                            Comentário


                            • #15
                              Se o brasileiro tivesse em troca bons serviços públicos pelo grande volume de imposto pago, talvez nem precisaríamos estar pesquisando formas de ganhar mais dinheiro sem pagar impostos.

                              Vocês viram esta semana passada na TV sobre o Brasil ser um dos países que menos oferece serviços ao povo em troca dos impostos?

                              Mas, não tem jeito, o próprio povo brasileiro não ajuda. Tem tanta coisa precisando mudar neste país e, recentemente fizeram aquela bagunça por causa de 0,20 na passagem de ônibus.

                              Futuramente, vou embora em que seja para o Uruguai, que é mais perto para ir e voltar, pois só ainda não fui devido ter mãe já velhinha, irmãos, amigos e etc. Mas, do Uruguai para cá de avião é rapidinho.

                              http://www.youtube.com/watch?v=3CpP-EwguXs
                              Juliano Cunha
                              WebMaster JCSites.com
                              Revendedor BazarVintage.com.br

                              Comentário

                              Working...
                              X