Página 5 de 5 PrimeiroPrimeiro ... 345
Resultados 41 a 43 de 43
  1. #41
    Junior Member Avatar de F4MINT0
    Data de Ingresso
    Mar 2016
    Localização
    Brasil
    Posts
    12
    Peso da Avaliação
    0
    Bom ficar por dentro do assunto, grato.

  2. #42
    Novato Avatar de serginholira
    Data de Ingresso
    Dec 2016
    Posts
    3
    Peso da Avaliação
    0
    Show de bola

  3. #43
    Member Avatar de sorcyeth
    Data de Ingresso
    Jul 2017
    Posts
    82
    Peso da Avaliação
    1
    Muito bom tópico, apesar de antigo as dicas são excelentes.


    Para quem está falando que não compensa importar de forma legal, está totalmente errado. Não considere produtos de marca ou varejo.

    Produtos de grifes protegem suas marcas. Grife não é só qualidade, trata-se de exclusividade também. Veja por esse lado, se o produto "Polo Lacoste" estivesse acessível em todos os cantos do Brasil, inclusive nas bodegas de esquina nos interior, você acha que todo mundo daria R$299,00 por uma camiseta? As pessoas pagam esse preço, para ter um produto "mais exclusivo".
    A classe alta iria parar de comprar imediatamente, na classe baixa as vendas seriam um estouro, mas quando percebessem que a classe A não compra mais, também não iriam comprar.

    Ao realizar uma importação, vocês estão considerando o PREÇO DE VAREJO + IMPOSTOS. Apesar da carga tributária ser alta, se o preço do fornecedor fosse - 50% do produto, não iria começar a compensar?

    Grandes marcas já tem seus fornecedores exclusivos (por isso não liberam para novos, especialmente os pequenos). Se quiser o produto, terá que pegar do distribuidor autorizado.

    Essas marcas geralmente são protegidas também pelo copyright entre outros órgãos, por isso, você não consegue nem importar legalmente comprando elas no varejo. (Ex: Acessei www.nixon.com e fiz a compra de 75 relógios). Somente os autorizados pela marca pode importar.

    Compensa importar e muito (apesar dos impostos ser abusivos em todos os sentidos, não só na importação) produtos de qualidade boa de marcas desconhecidas. Essas marcas geralmente querem vender a todo custo, então você considera importar.

    Ano passado, eu estava planejando importar PNEUS da China. ALGO MUITO LUCRATIVO, porém devido a burocracia eu acabei desistindo. (Isso não seria uma importação simples, precisa de diversos registros, testes de qualidade, entre outros, como não estava preparado eu desisti).

    Eram marcas desconhecidas, mas de qualidade (com certeza iria vender). Agora quem quiser importar o pneu da bridgestone/michelin é óbvio que não vai conseguir, pelos motivos citados acima.

Página 5 de 5 PrimeiroPrimeiro ... 345

Marcadores

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •